segunda-feira, 12 de maio de 2014

Horta

Há mais ou menos 6 meses, decidi que queria fazer uma horta. Na verdade, já queria há muito tempo, mas foi em dezembro que, de fato, comecei. Fui a um Viveiro de Plantas próximo à minha casa, os atendentes de lá são supergentis. Comprei a bacia, a terra e as sementes lá. Plantei berinjela, agrião, tomate e pimentão. O agrião não pegou, e o tomate e a berinjela já deram frutos. Fiz as plaquinhas com palito de churrasco, uns pedaços de tela velha e barbante.
No dia em que plantei.


Uma semana depois.
(Muito feliz porque as folhas apareceram.)












Por enquanto é isso.

quinta-feira, 8 de maio de 2014

À deriva

E por um "sim", viveu a vida pela qual anseia.
E por um "e se", tentou esquecer seu rosto e seu corpo.
Mas ele se fez extensão nela e dela.
Que dele fez esperança de ser mais viva e de se entregar ao desejo de vida.

Ele, cujos olhos foram um oceano de sensações...
Curiosos, preocupados, urgentes, carinhosos e desejosos
Ele, cujo beijo preencheu-lhe a mente e libertou-a de um vício,
teve marca de início num desconhecido
Num desconhecido pelo qual, hoje, seus lábios esperam e imploram
Que seus lábios pedem uma vez mais.